Genuína Umbanda - Todos os direitos reservados. 2007 - 2019

Oração a Iansã

ORAÇÃO I

Iansã, mãe e senhora dos ventos e tempestades, das horas aflitas e das almas perdidas. 

Dona de todas as direções. 

Operosa divindade em prol dos desígnios dos filhos de caídos sem norte e vontade.

Piedade para nós, criaturas que vivemos, à beira das tentações, dos abismos, alheios ao amor do pai Olorum.

Mãe, empresta-nos tua decisão e tua coragem, para o encontro do nosso próprio ser.

Daí-nos um roteiro de esperança e triunfo. 

Erradicai a pobreza dos nossos sentimentos, orienta-nos para a verdade, dentro do caminho de devoção ao supremo doador. 

Encoraja-nos senhora dos raios, para que nossa própria mente, siga uma só direção: amar a Olorum.

Êparrei Iansã! 

 


ORAÇÃO II

Oh Mãe Iansã, que sois mais forte que as torres das fortalezas e a violência dos furacões, fazei que os raios não me atinjam, os trovões não me assustem e o troar dos canhões não me abalem a coragem e a bravura, Ficai sempre ao meu lado para que eu possa enfrentar de fronte erguida e rosto sereno todas as tempestades e batalhas de minha vida, para que, vencedor de todas as lutas, com a consciência do dever cumprido, possa agradecer a vós, minha protetora, e render graça a Deus, criador do céu, da terra e da natureza: este Deus que tem o poder de dominar a furor das tempestades e abrandar a crueldade das guerras. 

Santa Bárbara, rogai por nós!


ORAÇÃO III

Ó gloriosa Mãe guerreira, dona das tempestades,


Protegei-me eu e minha família contra os maus espíritos,


Para que eles não tenham forças de atrapalhar minha caminhada,


E que não se apossem da minha luz.


Ajudai-me para que as pessoas más intencionadas


Não destruam minha paz de espírito.


Mãe Iansã, cubra-me com seu manto sagrado,


E leve com a força dos seus ventos tudo que não presta para bem longe.


Ajudai-me na união da minha família, para que a inveja


Não destrua o amor que há em nossos corações.


Mãe Iansã, em vós eu creio , espero e confio!


Que Assim seja e Assim será !