Home

Loja Virtual

Recomende este Site

Nossos Banners

Apostilas

Contato

 

Menu

 » Home

 » A Umbanda

 » Os Orixás

 » Entidades e Falanges

 » Linha do Oriente

 » Sincretismo

 » Exú e Pomba-Gira

 » Zé Pelintra

 » As Ervas na Umbanda

 » Defumador

 » Fumo e Bebidas

 » Mediunidade

 » A Glândula Pineal

 » Os Chacras

 » Mensagens

 » Artigos

 » Orações e Preces

 » Rezas

 » Temas Variados

 » Pontos Cantados

 » Letras de Pontos

 » Pontos Riscados

 » Dicionário da Umbanda

Serviços

 » Apostilas

 » Campanhas

 » Nossos Banners

 » Prêmios Recebidos

 » Links Relacionados

Loja Virtual

 

Recomende

 

Redes Sociais

 

 

08 de Dezembro - Ora Ieiê Ô Mamãe Oxum (Dia de Nossa Senhora da Conceição)

 

Autor: Lara Lannes

Equipe Genuína Umbanda

www.genuinaumbanda.com.br

 

Ave Maria, cheia de Graça

O Senhor é Convosco

Bendita sois Vós

entre as mulheres

E Bendito é o fruto

do Vosso Ventre

Jesus.

 

Santa Maria,

Mãe de Jesus

Rogai por nós, caminhantes

Agora e na hora do nosso desencarne

Amém!

 

Oração à Nossa Senhora da Conceição

"Virgem Santíssima, que fostes concebida sem o pecado original e por isto merecestes o título de Nossa Senhora da Imaculada Conceição e por terdes evitado todos os outros pecados, o Anjo Gabriel vos saudou com as belas palavras: “Ave Maria, cheia de graça”; nós vos pedimos que nos alcanceis do vosso divino Filho o auxílio necessário para vencermos as tentações e evitarmos os pecados e já que vos chamamos de Mãe, atendei-nos com carinho maternal e ajudai-nos a viver como dignos filhos vossos."

 

Nossa Senhora da Imaculada Conceição é assim chamada por se tratar da Virgem Maria que, segundo a Bíblia, teria sido concebida sem pecados - Imaculada - pois já havia sido designada para ser a Mãe de Nosso Senhor Jesus Cristo.


Nossa Senhora da Conceição é uma das santas mais louvadas pelos brasileiros, tradição que nos foi deixada pelos portugueses, pois em Lisboa no ano de 1646, declarou el-rei D. João IV que tomava a Virgem Nossa Senhora da Conceição por padroeira do Reino de Portugal.

 

A própria padroeira do Brasil também é Nossa Senhora da Conceição (Aparecida), com sua data sendo comemorada no dia 12 de Outubro.

Na Umbanda, a Virgem da Conceição está ligada à figura do Orixá feminino Oxum.

 

"Eu vi  mamãe Oxum, 

Na cachoeira,

Sentada na beira do rio,

Colhendo lírio, lírio, e,

Colhendo lírio, lírio, a,

Colhendo lírio,

Pra enfeitar nosso Congá"

 

 

“Mamãe Oxum chegou

Na gira dos orixás

Que traz das águas do rio

Sua mensagem de paz

Mamãe Oxum valei-me

Mamãe Oxum

Olhai por seus filhos da gira

Na fé do meu Pai Oxalá

Oi gira gira gira

Oi gira e torna a girar

Pra chamar povo de pemba

Da gira dos orixás”

 

No culto africano, Osun, Oshun, Ochun ou Oxum, na mitologia ioruba é um Orixá feminino. O seu nome deriva do rio Osun, que corre na região nigeriana de Ijexá e Ijebu.

 

Cultuada tanto a 12 de outubro, quanto 08 de dezembro, uma vez que sincretiza com Nossa Senhora Aparecida e Nossa Senhora da Imaculada Conceição.

 

A energia do orixá Oxum é feminina, regente das águas doces. Essa energia é também direcionada para a fecundação e concepção. Oxum responde pela geração e criação do feto, enquanto Iemanjá responde pelo seu crescimento e educação. Essa energia geradora se traduz nos sentimentos de amor, fraternidade, união entre as pessoas.

 

Os falangeiros do Orixá Oxum quando se manifestam nos terreiros de Umbanda fazem movimentos suaves com os braços como que atraindo para si o sentimento das pessoas, renovando-os e transformando em sentimentos de união. Emitem longo choro, dando passes e reativando as energias positivas naqueles que necessitam dessa mudança e renovação.

 

Oxum distribui a energia de união através do movimento das águas doces, que serve como condutor magnético de suas ondas vibratórias, harmonizando as energias da natureza.

 

Características: além da graça e beleza, são suavidade, gentileza, jovialidade e uma sensualidade intensa, mas discreta.

Sincretismo: é sincretizada com diversas santas católicas, entre as quais Nossa Senhora da Conceição, Nossa Senhora Aparecida e a Virgem Maria.

Cor: na Umbanda, o azul claro. Suas contas são feitas de cristal azul claro.

Oferendas: velas, flores brancas e amarelas, perfumes, jóias, espelhos, champanhe.

Locais: rios ou nascentes.

Saudação: Ora Ieiê o.

Dia da semana: sábado.

 

(texto extraído da Apostila Genuína Umbanda, Vol II - Os Orixás)

 

Oraieiê ô, Mamãe Oxum, a Senhora que sempre está presente em minha vida, a Senhora que com a força das águas das suas cachoeiras e rios lava o mal de dentro de nós, Ô minha Mãe, abençoa os filhos seus, abençoa toda a Humanidade e derrama o bálsamo da sua energia sobre nossas vidas! Olhai por nós, Mamãe Oxum, Oraieiê ô!

 

 » Mais sobre Mamãe Oxum

 

 

Voltar ao índice

 

 

 

 

Home | Recomende este site | Contato


© Copyright - Genuína Umbanda - Todos os Direitos Reservados